SÉRGIO – IV

— É… Às vezes, às vezes eu fico pensando, se é então como alguns dizem, você com certeza já viu, leu, gente defendendo isto, isto de que a individualidade é uma ilusão, de que o eu é uma ilusão. Um lance das religiões orientais, é, mas atualmente cê vê um tanto de cientista, neuro-não-sei-lá-o-que, defendendo isso também, de que não existe um eu, um verdadeiro eu, dentro da nossa cabeça. Essa idéia de que é impossível apontar dentro do funcionamento do cérebro uma parte que comande, que seja o guia. O fantasma na máquina. Não existe, não existiria… As várias partes do cérebro acabam criando essa ilusão, essa ilusão desse eu… A liberdade também não existiria, partes da nossa mente, ocultas de nós mesmos, decidiriam as coisas sozinhas, e então nós racionalizaríamos tudo… O motivo e a decisão, ambos falsos. Saca? Tá. Então é isso, então é assim. Não existe o indivíduo, é um engodo, é uma ilusão. Mas, ah, porra, que papo furado. As minhas contas vão continuar chegando para mim, com meu nome e CPF, na minha casa, mesmo a minha individualidade sendo supostamente uma ficção. Se eu deixar de pagar a pensão da minha filha quem vai preso? Eu, mesmo o eu não existindo. E, pra além disso, se eu não existo, se minha individualidade não existe, por que diabos eu continuo fazendo as coisas do mesmo jeito, repetindo os mesmos erros, afirmando-me por meio dessas mesmíssimas falhas. É uma ilusão então, mas, porra… Até onde uma ilusão dessas, da qual você não pode se livrar, é uma ilusão? Pra mim é concreto, absolutamente concreto. O contrário é papo furado.

Anúncios

Um comentário sobre “SÉRGIO – IV

  1. Cara, que personagem foda. O raciocínio está tão bem colocado que a reviravolta quase nos põe no chão, com ele. Tudo o que ele diz é muito bem imaginado. Voz firme, ritmo extremamente natural. A ideia que o personagem tem é muito honesta. O humor é preciso, desconstrói com ironia, mas deixa entrever o desespero. Muito bom.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s